Plano AgroNordeste é lançado para fortalecer a cadeia produtiva da pimenta capixaba

Plano foi lançado pela Superintendência Federal de Agricultura no ES

0
59

Em evento no Sindicato Rural de São Mateus (ES) para debater o arranjo produtivo da pimenta-do-reino e da aroeira, a Superintendência Federal de Agricultura no ES (SFA-ES) lançou na última sexta-feira (25) o Plano AgroNordeste para as cadeias produtivas da pimenta-do-reino e da pimenta rosa. A reunião foi realizada de forma mista, presencial e por videoconferência.

O município foi escolhido para sediar o encontro por ser considerado a capital nacional da pimenta.  O Espírito Santo é, atualmente, o maior produtor e exportador de pimenta-do-reino do Brasil e São Mateus é o município que mais produz a especiaria no país.

Na abertura da solenidade, o superintendente Federal de Agricultura, Aureliano Nogueira da Costa, destacou que Espírito Santo foi inserido no AgroNordeste um ano e meio depois de seu lançamento e agora o estado já é protagonista no programa. “Estamos coordenando todas as ações, por meio de um termo de execução descentralizada (TED) que o Mapa assinou para a UFES, no valor de R$ 2,9 milhões, e para o IFES, no valor de R$ 1,7 milhão, para desenvolvermos na região as cadeias produtivas da pimenta-do-reino, da pimenta rosa e do café”.

Na ocasião, a deputada federal Drª Soraya Manato ressaltou que o ES desponta no mundo em termos de produção agrícola e elogiou o trabalho realizado pelo Ministério da Agricultura. “A ministra Tereza Cristina está se dedicando para que todo o Brasil tenha acesso a recursos baratos, para que o produtor possa se equipar, adquirir conhecimento, produzir e dar qualidade de vida para sua família”.

Na sequência, a professora da Universidade Federal do Espírito Santo (UFES), Diolina Moura Silva, fez uma apresentação sobre o plano AgroNordeste e detalhou o projeto de Arranjo Produtivo Local – que está sendo desenvolvido por pesquisadores da UFES e será financiado com recursos do BID – para o desenvolvimento da agropecuária nos territórios do programa. Depois, a pesquisadora do Incaper, Fabiana Ruas, fez uma palestra sobre a pimenta rosa.

Participaram ainda da solenidade, o presidente do Sindicato Patronal Rural de São Mateus, Renilton Correia, o presidente da Coopbac, Tomás Silveira, além de representantes da prefeitura de São Mateus, da secretaria municipal de Agricultura, da Associação dos Produtores de Aroeira do ES e produtores de pimenta da região. Marcaram presença na reunião também as instituições parceiras do Mapa no Plano AgroNordeste, como o Senar, Banco do Nordeste, Banco do Brasil, Sebrae, Incra, OCB, Ifes e Ceplac.

Após o evento, o superintendente Aureliano, acompanhado do presidente da Associação dos Produtores de Aroeira do ES, Reginaldo Castro, da deputada Soraya Manato e das equipes técnicas do Incaper e da UFES, fez uma visita à comunidade de Nativo, em São Mateus, para conhecer o local onde será instalada uma biofábrica de extração de óleo da aroeira.

Plano AgroNordeste

O Plano de Ação para o Nordeste (AgroNordeste) – instituído pela Portaria Ministerial nº 164, de 16 de agosto de 2019 – visa impulsionar o desenvolvimento econômico, social e sustentável do meio rural da região Nordeste, parte de Minas Gerais e do Espírito Santo. O programa é elaborado a partir do estudo das cadeias produtivas que têm relevância socioeconômica e potencial de crescimento na região. Já os territórios são definidos com base nessas cadeias produtivas e no nível de vulnerabilidade da área. No Espírito Santo, 16 municípios da região meio-norte capixaba serão beneficiados com as ações do plano, com foco nas cadeias do café, da pimenta-do-reino e da pimenta rosa. Entre os desafios identificados pela iniciativa estão a cobertura da assistência técnica, adoção de tecnologias, novas oportunidades de integração comercial, oportunidades para a juventude rural, organização dos produtores, energia e conectividade no campo e acesso a crédito.

Informações de assessoria

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here